21 dezembro 2006

De bar em bar, de esquina em esquina


Ah... que saudades eu tenho desse tempo!
BONS TEMPOS do Bar du Bocage.
Aquela esquina lotada... muitas histórias, ao longo desses 13 anos!
Dali se mudou pra outra esquina, ainda na mesma Alameda Itu.
É maior, mas não melhor.
Não sei se ele mudou, se eu mudei, se ambos...
Nostalgia!

(antigo Bocage, ainda na outra esquina -- foto de Mario Rodrigues)

20 dezembro 2006

Ode à nossa amada "Rato de Livraria"


Claro, nem todo rato é ruim (o do Ratimbum por exemplo, risos) -- especialmente os de livraria. Especialmente o DESTA tão querida e amada livraria!

Rato
Rato que rói a roupa
Que rói a rapa do rei do morro
Que rói a roda do carro
Que rói o carro, que rói o ferro
Que rói o barro, rói o morro
Rato que rói o rato
Ra-rato, ra-rato
Roto que ri do roto
Que rói o farrapo
Do esfarra-rapado
Que mete a ripa, arranca rabo
Rato ruim
Rato que rói a rosa
Rói o riso da moça
E ruma rua arriba
Em sua rota de rato

(Embolada de "Ode aos ratos" –- Chico Buarque: Carioca)

18 dezembro 2006

Na esquina da Augusta (sem "vender o corpinho"!)


Há uns botecos nas esquinas da Augusta que vale a pena freqüentar.
São botecos descolados que em nada te "desabonam" caso você seja flagrada na esquina da Augusta. (hehehe)

Monarca -- esquina da Augusta com a Rua Luís Coelho
BH -- esquina da Augusta com a Rua Luís Coelho
Charm -- esquina da Augusta com a Rua Antônio Carlos
Ibotirama -- esquina da Augusta com a Rua Fernando de Albuquerque
Cuca Ideal -- esquina da Augusta com a Rua Fernando de Albuquerque

A cerveja é geladíssima, os petiscos não são caros e vc se diverte!
Como sempre: NÃO SE ESQUEÇA DE ME CHAMAR!
(lógico!)

14 dezembro 2006

Twenty-fourth day... Twenty-four hours


Nada vai permanecer
No estado em que está
Eu só penso em ver você
Eu só quero te encontrar

Geleiras vão derreter
Estrelas vão se apagar
E eu pensando em ter você
PELO TEMPO QUE DURAR

Coisas vão se transformar
Para desaparecer
E eu pensando em ficar
A vida a te transcorrer

E eu pensando em passar
Pela vida com você

(“Pelo tempo que durar” -– Marisa Monte [em parceria com Adriana Calcanhotto]: Infinito Particular) -- [Foto: Robert Feinberg])

13 dezembro 2006

O show do ano!


O Karnak está mais vivo do que nunca!
Quem pensa que o Karnak acabou é marinheiro de primeira viagem.
(e perdeu "A marujada de Martim Parangolá"!)

Nós, os karnakianos, prestigiamos, uma vez por ano, os karnakos.
Assistir à celebração desse encontro é orgasmático.
Pra quem já conhece -- DEMOROU! (tvz haja hj ainda uns 3% dos ingressos à venda!).
Pra quem não conhece -- MAIS AINDA! (vai ter de deixar pro ano que vem -- Aduana!).

KARNAK
Onde: Sesc Pompéia
Quando: 20 e 21 de dez., às 21h
Quanto:
R$ 20,00
R$ 15,00 (usuário matriculado)
R$ 8,00 (trabalhador no comércio e serviços matriculado e dependentes)
R$ 10,00 (acima de 60 anos e estudante com carteirinha).

12 dezembro 2006

Rio: uma semana sim e a outra também!


Aproveitando essa minha fase "Rio -- semana sim, semana não", deixa eu indicar os bares que tenho conhecido.
Esse é o Belmonte -- gracinha de lugar, no qual fiz os cariocas se envergonharem de minha "paulistice" ao pedir uma canja com hortelã (ao invés da tão venerada empada). Em tempo: já comi tanta empada MARAVILHOSA em Sampa... Deve haver também no Rio, mas naquele momento parecia que a canja me apetecia mais (hehehehe). E valeu a escolha: os caldos do lugar são deliciosos (mesmo em pleno calor novembrino carioca!).
O chopp tb estava delicioso!
Então vá lá:

Belmonte
Rua Dias Ferreira, 521
Copacabana -- Rio de Janeiro
Tel.: (21) 2294-2849

Ah... há mais de um Belmonte espalhado pelo Rio!
Isso aumenta o risco de vc dar de cara com um a qualquer momento -- para a sua sorte!

11 dezembro 2006

Mais uma vozinha gostosa


Usando um jargão bem desbotado, Mariana Aydar "canta e encanta".
Gravou Deixa o Verão, de Rodrigo Amarante, e ficou uma delícia.

Tudo bem que eu tb adoro a versão original, com Los Hermanos -- inclusive com o gemidinho de preguiça do final!
Ouve lá na Rádio UOL (clique aí no link da rádio, que te levará diretamente à página do álbum dela, e procure pela música).

E em homenagem ao verão que se aproxima, segue:

Deixa eu decidir se é cedo ou tarde
Espere eu considerar
Ver se eu vou assim chique à vontade
Igual ao tom do lugar

Enquanto eu penso você sugeriu
Um bom motivo pra tudo atrasar
E ainda é cedo pra lá
Chegando às 6 tá bom demais

Deixa o verão pra mais tarde

Uhh.. Ah, ah, aaaah
Uhh.. Ah, ah, aaaah

Não to muito afim de novidade
Fila em banco de bar
Considere toda a hostilidade
Que há da porta pra lá

Enquanto eu fujo você inventou
Qualquer desculpa pra gente ficar
E assim a gente não sai
Esse sofá ta bom demais

Deixa o verão pra mais tarde

Uhh.. Ah, ah, aaaah
Uhh.. Ah, ah, aaaah

E eu digo, cá entre nós
Deixa o verão pra mais tarde

Uhh.. Ah, ah, aaaah
Uhh.. Ah, ah, aaaah

10 dezembro 2006

O charme da Lapa


Taí!
Boa pedida pra quem está "de cara pra cima" no Rio de Janeiro: A LAPA.
Adoro a Lapa de Sampa... e ainda mais a Lapa malandra carioca. (Aliás, Salvador tb tem Lapa!!!)
Estando no Rio, vá conhecê-la. Estando na Lapa, vá à Taberna do Juca (Av. Mem de Sá, 65) tomar um chopp!
Como sempre, não se esqueça de me chamar!
Afinal, cê não está pensando que eu fico dando dica "de graça", né? Tenha dó. O preço é um chopp gelado com colarinho -- então, pode ir tratando de me levar junto! (hehehe).
Brincadeiras à parte -- vá pra Lapa que te curtiu!
E muito!